VAMOS FALAR DE ORGÂNICOS?

orgânico blog mary wellness Image 2018-12-06 at 18.01.05Pense em um alimento. Ele provavelmente está contaminado com agrotóxicos.

Agrotóxicos estão em frutas, verduras, carnes, leite, bebidas, produtos industrializados e em quase tudo que compramos nos supermercados. O Brasil já é o maior consumidor de agrotóxicos do mundo: todo ano, consumimos o equivalente a mais de 7 litros de agrotóxicos por pessoa. ⠀⠀
O pimentão, por exemplo, é o líder da lista com 91,8% de amostras inadequadas para consumo. Na sequência aparecem os morangos (63,4%), pepinos (57,4%) e o alface (54,2%), todos muito presentes na dieta brasileira. Até mesmo o arroz (7,4%) e o feijão (6,5%) não ficaram de fora.
Pesquisas desenvolvidas por órgãos como a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e Ministério da Saúde – Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) apontam aquilo que muitos agricultores já perceberam: agrotóxicos podem causar diversas doenças. Entre elas, problemas neurológicos, motores e mentais, distúrbios de comportamento, problemas na produção de hormônios sexuais, infertilidade, puberdade precoce, má formação fetal, aborto, doença de Parkinson, endometriose, atrofia dos testículos e câncer de diversos tipos.

Muito além da alimentação, consumimos agrotóxicos, pesticidas e adubos químicos por vias nem imaginadas. Estudos indicam que, em um único alimento, ingerimos diversos agrotóxicos diferentes. Além disso, ingerimos diariamente e durante a vida inteira. Nosso organismo não tem a capacidade de eliminar muitos dos elementos químicos, que vão se acumulando no corpo ao longo dos anos. Essa exposição contínua tem efeitos tão graves que nem mesmo a ciência sabe a dimensão do estrago que pode causar na saúde.
Alimento orgânico é todo aquele produzido sem o uso de agrotóxicos ou defensivos agrícolas. Existem certificações apropriadas para que determinados produtos possam usar o selo de orgânico. Mas a verdade é que esse conceito vai muito além de, simplesmente, não utilizar agrotóxicos na produção. ⠀⠀

Para ser chamado de orgânico, o cuidado com o alimento é feito de maneira integral, desde o manejo da terra (sem o uso de fertilizantes químicos), até uma proposta de não agressão da natureza e de preservação do meio ambiente. Assim, as técnicas para produção de orgânicos incluem o uso de compostagem orgânica, adubação verde e diversidade de culturas. Ou seja, não plantar apenas uma coisa num espaço enorme, mas sim, diversas variedades – ao mesmo tempo ou com intervalo entre elas.
Precisamos mudar o jeito de produzir e, claro, de consumir: opte sempre por produtos com origem certificada; escolha alimentos de época; substitua os líderes dessa lista de agrotóxicos por produtos orgânicos como o primeiro passo para a mudança.

* Texto escrito com pesquisa de várias fontes, entre elas g1.globo.com

Até a próxima semana,

SARAH SIMONI NUTRI E COACH


Sarah Simoni é Nutricionista, especialista em Nutrição Funcional pela VP Florianópolis, Especialista em Desenvolvimento de Grupos pela SBDG Joinville e Coach pela Nutrition Coaching.

Membro da Academia Brasileira de Nutrição Funcional, possui clínica em Caxias do Sul e atende também nas cidades de Farroupilha e Porto Alegre. Em seu rol de serviços estão: Nutrição Funcional, Coaching Nutricional, Consultoria para Noivas, Grupos de Emagrecimento Consciente, Oficinas de Cozinha Saudável.

Autora da coluna #NutriAjuda do Blog Mary Wellness, onde escreve sobre comportamento alimentar, autossabotagem, ansiedade e assuntos diversos que podem ajudar a melhorar a relação das pessoas com a comida. Siga também a Nutricionista Sarah Simoni no Instagram @nutricionistasarahsimoni

Sou muito grata por seu comentário, é importante pra mim.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.